OVNIS ONTEM , NA BUSCA DA VERDADE

Teriam seres de outros planetas guiado nossas religiões?


Um programa de TV levado ao ar pela BBC, causou grande tumulto no Reino Unido. O motivo: tratava-se de uma séria discussão a respeito da probabilidade de Jesus, Buda e Krishna terem sido alienígenas vindos de outros planetas. Veja o artigo publicado pelo Huffington Post:
…O segmento, que durou 23 minutos e foi apresentado no programa ‘The Big Questions‘ no domingo passado (8), propôs a pergunta: “Teriam seres de outros planetas guiado nossas religiões?”
A discussão contou com a participação do diretor da Sociedade Aetherius, Mark Bennett, o qual acredita que Buda, Jesus e Krishna vieram do espaço.
the big questions
Apresentador Nicky Cambell e seus convidados.
O apresentador, Nicky Campbell, introduziu o debate dizendo: “No mês passado, o telescópio espacial Kepler, da NASA, identificou outro planeta que poderia ter as condições certas para a vida.  Isto não será surpreendente para os seguidores das religiões que têm acreditado por muito tempo que a vida – possivelmente não como a conhecemos – exista em outros lugares da galáxia.  Vida que possivelmente exerceu sua influência aqui no planeta Terra. Teriam seres de outros planetas guiado as nossas religiões?
Campbell perguntou a Mark Bennett: “Quem eram eles?  Onde estão eles?  Podemos vê-los?
Bennett reponsdeu: “Acreditamos que vários líderes religiosos da história têm uma origem inter-planetária.  Acreditamos que Jesus e Buda vieram de Vênus, que Sri Krishna veio de Saturno, que São Pedro veio de Marte, e assim por diante.
mark bennett
Mark Bennett diz que Jesus e Buda vieram de Vênus.
Ele disse acreditar que há civilizações em outros planetas, mas que não podemos detectá-los porque são tão tecnologicamente e espiritualmente avançados, que eles existem numa “frequência mais alta de vibração“.
Personagens religiosos, tais como Krishna e Jesus, são “mestres do amor” que se importam com os humanos e fazem todo o possível por nós “dentro da lei do carma”, adicionou Bennett.
Um representante da União Britânica de Sociedades Espíritas também argumentou que alienígenas de outros planetas reencarnam na Terra e nos passam mensagens através de sonhos e intuição.
hashtag #BBCTBQ ‘bombou’ no Twitter, quando muitas pessoas questionaram se este era um debate que merecia estar no programa.
Houve ainda mais ultraje no Twitter, quando o apresentador do programa trouxe Liz Weston, da Igreja de Cristo de Southampton, que se auto descreveu como cristã e também cientista, descartando a ideia de Bennett sobre alienígenas.
Está muito claro, se você olhar nos evangelhos, que só há três respostas a respeito do que Jesus é.  Ou ele é maluco… ou ele é mau e está tentando nos enganar [e] sua força vem do demônio, ou é na verdade aquele que ele alega ser, o filho de Deus… nenhuma dessas alternativas diz que ele era de Vênus.”  Mais tarde ela demandou, “Onde está a evidência?
liz western
Liz Weston, da Igreja de Cristo de Southampton.
Jonathan Frost, bispo de Southampton, também falou em prol do cristianismo, dizendo que este era diferente das ideias da Sociedade Aetherius, porque é uma prática “com o pé no chão e vivenciada, que faz uma diferença real para a vida das pessoas“.
Ele adicionou que respeitava as crenças sobre alienígenas, mas pediu por “um pouco mais de reserva sobre o mistério da vida“.
Críticos no Twitter mencionaram Weston e Frost em seus comentários, dizendo que eles eram hipócritas em implicando que a teologia cristã predominante não seja algo melhor substanciado do que a crença numa civilização alienígena.
Numa reviravolta inesperada, a maré de opiniões começou a virar em favor das ideias extra-planetárias de Mark Bennett – anteriormente ele havia sido aplaudido no estúdio quando alegou que suas crenças faziam “muito mais sentido” do que o cristianismo tradicional.
Se você compará-la com certas ideias que são amplamente aceitas ao redor do mundo, dando um verdadeiro exame detalhado lógico, ela faz muito mais sentido“, argumentou Benett.  “Eu diria que faz muito mais sentido dizer que Jesus era um ser interplanetário que veio à Terra para ajudar a humanidade, do que dizer que Deus criou um único filho, que era Ele mesmo, num ponto aleatório da história, que veio à Terra e perdoou as pessoas por seus pecados, por alguma razão que não sabemos realmente.
Alguns comentaristas ateus apoiaram Bennett, aprovando sua tentativa de apontar que as crenças não são necessariamente válidas só por serem amplamente aceitas.

Já o site The Christian Post, publicou um artigo sobre o evento, finalizando assim:
Alegações de que Jesus poderia ter sido um alienígena não são exclusivamente feitas por grupos como a Sociedade Aetheriu.  O Ministro Presibiteriano, Barry Downing, muitas vezes creditou o fenômeno na Bíblia, inclusive a vinda de Jesus, como tendo origens extraterrestres.
Numa resposta publicada no site Ancient Aliens Debunked, Frank Johnson escreveu que a teoria de Jesus ser uma alienígena “cria alguns problemas“.
Não interessa a forma com que você olha para isso, não há forma alguma possível que Deus, como revelado nas Escrituras Hebraicas, pudesse ser um extraterrestre, da forma que entendemos o termo“, escreveu Johnson.  “Jesus não pode possivelmente ser extraterrestre, híbrido, ou qualquer outra coisa, simplesmente porque Ele é um com Deus Pai.  A Bíblia demonstra e Jesus declara que Ele e o Pai (Deus) são UM.
E qual é a sua opinião quanto a este respeito?