OVNIS ONTEM , NA BUSCA DA VERDADE

Agência espacial tentou roubar evidência de vida extraterrestre, alega politico do Sri Lanka

Um político do Sri Lanka diz que uma equipe de “cavalheiros brancos” de uma agência espacial internacional tentaram roubar fragmentos de um meteorito que prova a existência de vida extraterrestre, para assim esconder do mundo que o “criacionismo é uma mentira deslavada“.
Wimal Weerawansa (Credit: Sri Lanka Government)De acordo com o jornal Daily Mirror de Sri Lanka, o Ministro Wimal Weerwansa, líder do partido político Jathika Nidahas Peramuna, disse à uma multidão num templo que a tentativa de roubo fez parte de uma ação de criacionistas ocidentais para minar os ensinamentos budistas sobre o universo.
Ele disse: “Essa equipe tentou se apossar desta valiosa evidência quase que imediatamente após os cientistas locais fazeram esta descoberta vital.
Por que eles fizeram isto?“, ele perguntou. “Porque eles não querem que o mundo saiba que o criacionismo é uma mentira deslavada.  Quando for provado que a vida fora da Terra existe, o criacionismo se tornaria uma mentira.  Isto foi um fato inicialmente declarado e provado por Buda e seus ensinamentos do universo“, disse ele.
A alegada tentativa de roubo dos fragmentos do meteoro aparentemente ainda não foi publicada nas notícias do mundo ocidental.  Porém, as alegações de que os fragmentos de meteoro contêm evidências de vida extraterrestre já foram.
Sample of Anuradhapura meteorites. (Credit: Journal of Cosmology)
Amostras dos meteoritos Anuradhapura. (Credito: Journal of Cosmology)
De acordo com um trabalho publicado em fevereiro de 2014 no Journal of Cosmology, os fragmentos de meteoritos foram encontrados numa plantação de arroz no distrito de Anuradhapura, Sri Lanka, em dezembro de 2013.  Neste trabalho, cientistas do Instituto de Nanotecnologia do Sri Lanka, o Centro Buckingham para a Astrobiologia da Universidade de Buckingham e o Instituto de PESQUISA MÉDICA em Colombo (Sri Lanka) alegam ter encontrado aquilo que acreditam ser “estruturas biológicas complexas” dentro de fragmentos, os quais são de origem extraterrestre.
Em outras palavras, estes cientistas alegam ter descoberto vida extraterrestre.  De fato, eles tem repetidamente alegado a descoberta de vida extraterrestre.  A última vez foi no início deste ano, quando o Professor Milton Wainwright, também do centro Buckingham para a Astrobiologia, compartilhou imagens de algo chamado a “Partícula Dragão”.
Milton e seus colegas acreditam que a Partícula Dragão sejam uma entidade biológica de origem espacial, a qual eles recuperaram usando balões que flutuaram até a estratosfera.

The "Dragon Particle." Scientists say this is an image of a space-borne biological entity. (Credit: University of Buckingham)
A “Partícula Dragão”. (Credito: University of Buckingham)
Amostras do meteorito de Anuradhapura, mostrando estruturas biológicas complexas. (Credito: Journal of Cosmology)
Além destes dois casos, os cientistas do Centro Buckingham para a Astrobiologia fizeram outras declarações nestes últimos anos sobre outras descobertas de micro organismos, os quais eles acreditam ter vindo do espaço.   Membros do seu grupo têm sido creditados com o desenvolvimento da teoria da panspermia, a teoria de que a vida seja abundante por todo o universo e esteja sendo espalhada por intermédio de asteroides e meteoroides.
Assim, se na verdade estes ‘cavalheiros brancos’ tentaram roubar os fragmentos de meteoritos, suas tentativas de esconder a verdade do mundo foram frustradas.  Porém, a crença no criacionismo não parece ter sofrido muito com as declarações destes cientistas.  Suas descobertas têm sido amplamente contestadas.  Muitos cientistas acreditam que os micro organismos encontrados sejam o resultado de contaminação da Terra.
O criacionistas não parecem ser os maiores adversários do Centro Buckingham para a Astrobiologia; outros cientistas o são.  Mas Milton e seus colegas estão trabalhando bastante para provar que a vida extraterrestre existe, e suas evidências parecem estar crescendo…