OVNIS ONTEM , NA BUSCA DA VERDADE

Descrição de possível avistamento de UFO na antiga CHINA



Avistamentos de UFOs ocorrem desde tempos remotos e as testemunhas os descrevem de acordo com a bagagem cultural da época

Acadêmico chinês descobriu e traduziu passagens de um livro que contém a descrição de fenômenos estranhos, possivelmente de natureza ufológica

Shen Kuo era um astrônomo reputado bem como um matemático, geólogo, zoólogo, diplomata, engenheiro, inventor, músico, ministro das Finanças e muito mais. Ele viveu sob a dinastia Song na China (960-1127). Entre suas realizações estão descrições exatas de fatos científicos, como por exemplo o funcionamento de uma bússola magnética, também identificou e analisou fósseis, argumentou contra a teoria de que as marés estão ligadas ao Sol e identificou sua correlação com os ciclos da Lua, além de ter teorizado que tais astros são esféricos, em vez de planos, como se pensava à época.

O professor Zhang Longqiao, do Departamento chinês do Colégio de Ensinos de Pequim, descobriu nos anos 1970 uma passagem no livro de Shen Mengxi bitan (literalmente “discussão depois de um pequeno trecho de sonho”, também conhecido sob o título Dream Pool Essays) descrevendo OVNIs parecidos com pérolas. Zhang observa que Shen é uma das fontes mais confiáveis da China do século XI e do século XII, e permanece um contribuinte respeitado, tendo feito avançar a ciência na região. Outro pesquisador, Paul Dong, cujos artigos têm se mostrado populares na China, sendo publicados até no jornal estatal Diário do Povo, afirmou: O Professor Zhang tinha a tendência a pensar que estes escritos poderiam fornecer bons indícios a respeito do fato de que objetos voadores provenientes de outros planetas teriam um dia aterrisado perto de Yangzhou, na China”.

Dong publicou o livro Os Maiores Mistérios da China e nele acrescentou uma passagem do livro Mengxi Bitan de Shen. O trecho é o seguinte:

Sob o reinado do Imperador Jiavou (1056-1064), um objeto desconhecido tão brilhante como uma pérola apareceu sobre a cidade florida de Yangzhou, na província de Jiangsu, particularmente durante a noite. Ao partir o objeto era visível sobre um lago no condado de Tienzhang, à leste de Anhui e, mais tarde, sobre o lago Pishe, à nordeste do condado de Gaoyou, no Jiangsu. Subsequentemente, ele foi observado seguidamente pelos habitantes da região do lago Xingkai.

FENÔMENOS ESTRANHOS NA CHINA DO SÉCULO XI

Uma noite, um homem que vivia na beira do lago encontrou uma pérola brilhante, enquanto estudava do lado de fora. O objeto abriu suas portas e uma luz intensa inundou as cercanias, e raios de sol emanavam do objeto, a concha exterior se abriu, parecendo tão grande quanto uma cama com uma grande pérola do tamanho de um punho, iluminando o interior de uma luz de prata. A luz de um branco prateado intenso emanando do interior era muito forte para ser suportada pelo olho humano; ela projetava a sombra de cada árvore num raio de 16 metros.
Busto de Shen Kuo em observatório de Pequim

O espetáculo era como o de um sol se levantando, iluminando o céu ao longe e as árvores em vermelho. Depois, subitamente, o objeto decolou a uma velocidade considerável e desapareceu sobre o lago tal como o sol se deitando. Yibo, um poeta de Gaoyou que foi frequentemente testemunha da “pérola de aparência lunar”, escreveu um poema a este respeito, mas esta pérola de aparência lunar desapareceu após alguns anos. Como a pérola fez a sua aparição em várias ocasiões na cidade de Fanliang, em Yangzhou, os habitantes da região que a perceberam frequentemente construíram um pavilhão sobre a orla e o nomearam “o pavilhão da pérola”. Curiosos vinham seguidamente de longe, por barco, esperando uma chance de testemunhar a pérola imprevisível.

Este relato é tão claro e direto que ele provavelmente não é baseado em alucinações, visões religiosas ou qualquer coisa do gênero, disse o professor Zhang. Zhang também acrescentou que nenhuma criatura bioluminescente, como os vaga-lumes por exemplo, seria tão grande para ser descrita como sendo "tão larga quanto uma meia cama e brilhante para poder ser contemplada a olho nu.

FONTE: REVISTA UFO