OVNIS ONTEM , NA BUSCA DA VERDADE

OVNI / UFO com seis luzes é fotografado em Omsk, na Rússia


russian-ufo-585x306
Luzes estranhas no céu de Omsk, Sibéria – Rússia.
Uma das áreas de avistamentos de OVNIs mais ativa da Rússia é a região de Omsk, no sudoeste da Sibéria, a qual possui uma rica história de relatos, bem como agroglifos e outros eventos inexplicáveis.  Em 15 de maio passado, um fotógrafo amador adicionou seu nome à lista de pessoas que avistou OVNIs naquela região, quando ele conseguiu imagens de seis pontos de luz viajando em linha reta no céu.
Dmitry Yushkevich tirou as fotos, começando às 00h49, quando ele notou as luzes estranhas sobre a cidade de Tara, na região de Omsk.  Ele tirou a segunda foto um minuto mais tarde, e as luzes já haviam se deslocado para trás da torre de televisão.  Estas parecem ser as únicas fotos que ele tirou.
towerjpg-570x409
Momento em que as luzes estão passando atrás da torre de TV.
Nick Pope, especialista em OVNIs, chamou as fotos de “imagem fascinante” e especulou quanto ao que elas poderiam estar mostrando.
Poderia ter sido uma bola de fogo (meteoro) quebrando na atmosfera, ou algum tipo de fenômeno atmosférico exótico de plasma.  Seria interessante saber se os russos rastrearam o objeto no radar.  A área relacionada tem alta atividade de OVNIs, assim outra possibilidade é a de que esta seja uma área onde os russos testam protótipos de aeronaves secretas, drones ou armamento.”
Imagem ampliada das luzes.
Imagem ampliada das luzes.
Em 1990 e 1991, funcionários da Fábrica de Borracha Sintética de Osmk descreveram um avistamento como sendo uma “nuvem de gás no meio e duas luzes avermelhadas nas pontas“. Neve alaranjada caiu na região no começo deste ano. Vladimir Krupko, diretor do planetário de Omsk, diz ter uma vez encontrado um agroglifo na região, e o Museu de História e Cultura de Omsk é o lar de uma coleção de crânios alongados que foram encontrados na floresta local há mais de 15 anos.
Mas este OVNI pode ter sido algo diferente.  O jornal russo Pravda diz que provavelmente foi a foto de uma separação de estágio de um foguete, embora não haja registros de quaisquer lançamentos recentes.